Quinta em Outra Língua: Dairy Queen

{O Quinta em Outra Língua cresceu e terá edições em outros dias da semana! "Em Outra Língua" é um meme criado por este blog para fazer resenhas ou comentar sobre lançamentos de livros estrangeiros a princípio apenas às quintas-feiras, mas atualmente em qualquer dia da semana. 
Todo blog pode participar - saiba mais aqui!}

*

Resenha:
D.J., como é chamada pelo seus poucos amigos, tem uma vida bem diferente: ela trabalha na fazenda de sua família, após o acidente que impossibilitou que seu pai fizesse o trabalho. Por isso ficou de exame em Inglês e mal tem tempo para estudar, tudo para cuidar da fazenda.

Sua mãe tem dois trabalhos, seus dois irmãos mais velhos, estrelas de futebol, estão na faculdade e não ligam para casa, seu irmão mais novo mal conversa alguém. E, bem, seu pai, mesmo que machucado, não para de criticar D.J. — não importa o quanto ela trabalhe. E ninguém está conversando sobre isso.

E esse é o problema — ou um dos muitos. Com tantos problemas familiares, não seria de se imaginar que D.J. gostaria de discuti-los com seus pais. Mas assim como ela, eles não são muitos de conversar. E se não bastasse isso, sua melhor amiga Amber está distante e o melhor amigo de seu pai, o treinador de do time de futebol concorrente com o time da escola de D.J, pede que ela treine o quarterback do time. A princípio ela se recusa, porque o quaterback em questão é um daqueles meninos que tiram sarro por ela ser filha de fazendeiro — e ser uma fazendeira ela própria. Mas ele insiste tanto e ela não consegue negar que ela poderia ser uma boa treinadora, pois treinou muito com seus irmãos. É assim que Brian Nelson começa a frequentar a fazenda dos Schwenk, de manhã ajudando-a, seja tirando o leite ou pintando o curral, e à tarde eles treinam — a parte do treino, o pai de D.J. nem desconfia. Ele é absolutamente contra D.J. jogar futebol — mesmo que isso seja exatamente o que ela mais quer.

Como vocês perceberam, o esporte é bem importante nesse livro — D.J. fala muito sobre futebol e também sobre a fazenda, como funciona, etc. Isso não deixou a narrativa cansativa em nenhum momento! 

Eu realmente gostei desse livro! A narrativa é rápida, bem informal, como se a D.J. estivesse conversando com o leitor. Sem contar que a história também é única e bem realista. O livro como um todo é bem realista. Apesar de saber que Brian está completamente fora de seu alcance, ela não consegue não se aproximar dele — cada dia mais. E aos poucos percebe que ele aparenta ser outra coisa, mas, que na verdade, é a pessoa que, mais do que ninguém, vai ajudá-la a superar e a RESOLVER todos seus problemas, porque "when you don't talk, there's a lot of stuff that ends up not getting said".

Dairy Queen é o primeiro livro de uma trilogia, não vejo a hora de poder ler os outros dois (são os próximos na wishlist!). E quem resiste a essa capa super fofa?! Leitura recomendada!

4.5/5 



Skoob: adicione.
Nível de inglês: fácil
Compre: {Book Depository}



The Off Season, segundo livro e Front and Center, terceiro e último livro.

8 comentários:

  1. Oi Giu ^.^
    Esse livro parece ser muito bom, e está na minha lista de leitura há algum tempo. fico feliz de saber que o inglês dele é fácil já que eu ainda sou iniciante =)

    Bjs! :*

    ResponderExcluir
  2. Esse livro ta na minhas lista faz tempos, desde que a Leka indicou! Ela sempre falava como era divertido, ironico, diferente e fez uma resenha boa tb!
    E acho legal a coisa de ter esporte e fazendo (2 coisas que não curto) e mesmo assim ser legal de ler!
    Um dia lerei *__*

    bjs
    Evellyn!

    ResponderExcluir
  3. Que bacana que essa coluna cresceu tanto assim
    E esses livros que você le sempre são maravilhosos
    Gosto bastante das indicações

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Giu!

    Pra variar sou totalmente por fora dos livro em inglês, rs. Mas li sua resenha e gostei bastante. Eu leria esse livro. Confesso que até me lembrei um pouco do filme "Ela é o cara" hahaha, a relação é mínima. :} Só pelo fato de uma garota praticar um esporte aparentemente para homens, rsrs. Por isso lembrei. As capas combinam suuper, né? Agora é torcer pra alguma editora publicar aqui no Brasil. :P

    Beijos,
    Amanda || Lendo & Comentando
    ^_^

    ResponderExcluir
  5. Oi Giu, eu não posso ler livros em inglês, mas eu me divirto com suas resenhas. Amei a capa deste livro e das sequências.

    ResponderExcluir
  6. Amo essa coluna, amei sua resenha e AMEI a capa desse livro. Fora a história que parece super digna! Vou ler vou ler vou ler, culpa sua *---*
    beijos
    Jups | Up Sagas
    www.upsagas.com

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito da resenha Giu, realmente me fez querer ler o livro. E essas capas lindaas *-*
    A que mais gostei foi a do 1º livro.
    E FINALMENTE um cara que ajuda a protagonista a resolver seus problemas, ao invés de criar mais problemas! Quero mucho ler!
    Beijos Giu :*

    ResponderExcluir
  8. Amei a resenha!
    Esse livro parece muito bom e a capa do 1° é linda!!

    Beijos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...